Qual O Melhor Colchão Para Idosos E Como Escolher

O sono na terceira idade é essencial não apenas para o bem-estar, mas para a saúde mental e física. Nessa fase da vida, o corpo exige que o colchão proporcione suporte, maciez, conforto e, principalmente, que ajude na prevenção de dores na coluna e doenças de pele. Mas qual o melhor colchão para idosos? Neste artigo, a Reconflex vai te responder:

  • qual a melhor densidade de colchão para idosos?
  • qual o melhor colchão para idosos e como fazer essa escolha?
  • qual o melhor colchão para idosos acamados?

Qual a melhor densidade de colchão para idosos?

Para saber qual o melhor colchão para idosos é interessante entender a densidade necessária. Essa é uma medida que significa quantos quilos de matéria-prima têm em um metro cúbico de colchão, e é ela que vai determinar a firmeza da peça. 

Isso quer dizer que um colchão de densidade D33, por exemplo, tem 33 quilos de espuma em cada metro cúbico. 

A densidade certa do colchão para alguém da terceira idade é aquela indicada para seu biotipo (peso e altura), mas considerar alguns quadros de doença, como a osteoporose, também é importante — em casos assim, colchões com alta densidade podem prejudicar a saúde. 

Veja a densidade indicada para cada peso:

  • D18: suporta até 40 quilos;
  • D20: suporta até 50 quilos;
  • D23: até 60 quilos;
  • D28: até 90 quilos;
  • D33: até 100 quilos;
  • D45: até 150 quilos.

De forma geral, os colchões de densidade entre 30 e 33 são firmes e não agravam problemas na coluna, como hérnia de disco, lordose e dores no ciático.  

Lembre-se: problemas na coluna pedem modelos mais firmes de colchão, já doenças como a osteoporose exigem modelos mais macios.

Qual o melhor modelo de colchão para idosos?

O melhor colchão para idosos é aquele que vai se adaptar ao perfil e às necessidades do usuário. No entanto, existem algumas características básicas do colchão que oferece um bom suporte para a terceira idade:

Estabilidade

Um colchão nem firme demais nem macio demais é ideal. Ou seja, aquele que não pega o formato do corpo nem deforma quando se deita. Por isso é indicado escolher um modelo que não se mexa quando o idoso se movimenta durante o sono.

Alinhamento ao biotipo do idoso

Considerar o peso e a altura do usuário é um critério básico para fazer a compra do melhor colchão para idosos. Quando for adquirir o produto, seja de mola ou espuma, é preciso pesquisar com cuidado antes, sempre buscando um que se adeque ao biotipo de quem vai dormir na peça. 

Quais os tipos de colchão para idosos

Para entender ainda melhor qual o melhor colchão para idosos, é preciso conhecer os diferentes tipos, afinal, eles podem ser feitos de materiais diversos e vão ter níveis de suporte e molejo diferentes. 

Colchão Ortopédico

O colchão ortopédico é aquele que proporciona a sustentação necessária para a coluna sem deixar de lado a maciez. 

Respirável

Para idosos que ficam muito tempo na cama, um modelo que favorece a circulação do ar  é indicado, principalmente em regiões onde as noites são mais quentes. Nesse caso, existem algumas tecnologias apropriadas, como o uso da tela 3D nas bordas do colchão; a aplicação de tecidos mais frescos, como a malha e o tecido especial Cooler; a utilização de espumas de células abertas, como látex natural e HR; e os colchões de molas.

Qual o melhor colchão para idosos acamados?

Idosos acamados exigem um cuidado ainda maior na escolha do colchão. 

Alguns exemplos são o colchão com espuma viscoelástica, látex natural ou HR. Eles ajudam a evitar o aparecimento de escaras (úlceras de pressão, feridas que aparecem ao ficar em uma mesma posição por período prolongado) por possuírem pressão alternada. 

Ficar deitado por muito tempo pode causar uma redução no fluxo sanguíneo em certas regiões do corpo, uma peça feita com células individualizadas de pressão minimizam as chances de isso ser um risco para a saúde do idoso. 

Dicas extras para cuidar de idosos acamados

Além de escolher um colchão de qualidade, voltado para o biotipo e problemas de saúde que o idoso possa ter, é importante seguir algumas dicas para garantir o conforto e a saúde da pessoa:

  • a cabeceira da cama deve estar em uma altura que permita o idoso se encostar;
  • a cama deve estar em uma altura que permita o idoso sentar e apoiar os pés no chão;
  • prenda as pontas dos lençóis e cobertores nos pés da cama para evitar que fique encostando no chão. 

Se ainda assim você tiver dúvidas sobre qual o melhor colchão para idosos acamados, é indicado contar com a ajuda de médicos especialistas. 

Conheça os colchões Reconflex

A Reconflex trabalha desde 1993 criando os melhores tipos de colchões com tecnologia de ponta e alta qualidade. Fomos a  primeira fábrica da Bahia a obter o certificado de desempenho voluntário do INMETRO. 

Oferecemos diversos modelos de colchões ideais para idosos, adultos, crianças e bebês. Acesse nossa loja virtual e conheça agora todas as opções do nosso catálogo de produtos e garanta a saúde e o bem-estar de quem você ama! 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Relacionados

Últimos Posts

Qual O Tamanho Da Cama De Casal, Solteiro E Infantil

Na hora de escolher entre cama de casal, solteiro e infantil é importante levar em consideração quem vai utilizar os produtos e qual é o espaço disponível no seu ambiente. Confira o guia completo para te ajudar na escolha:

Molas Superlastic Ou Ensacadas: Qual a Melhor Para Você?

Se você está se perguntando molas superlastic ou ensacadas: qual a melhor, continue lendo o artigo que a Reconflex vai te auxiliar na melhor escolha!

O Que É E Para Que Serve Um Pillow Top

Ainda não conhece os modelos de colchões pillow top? Saiba o que é e quais seus benefícios neste artigo.